Igualdade Burguesa

Como ideias, não capital ou instituições enriquecem o mundo
Por
Redação
Data de Publicação
Editoria
Transmissões online

 

 

O Departamento de História da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP , promove a palestra "Igualdade Burguesa: como ideias, não capital ou instituições enriquecem o mundo", com a economista e historiadora Deirdre McCloskey, da Universidade de Illinois, Chicago, mediada pelo Professor Daniel Strum.

A palestrante critica tanto marxistas como institucionalistas e defende que o dramático desenvolvimento econômico experimentado pela humanidade desde 1800, não se deveu à acumulação de capital ou adoção de instituições que promovessem eficiência, mas sim as ideias que difundiram.

Em seu livro, A Igualdade Burguesa, McCloskey alega que as humanidades em geral e a história das ideias em particular, são críticos para se poder construir uma história econômica. Teriam sido as ideias de liberdades iguais e dignidade para as pessoas comuns, contidas nas virtudes burguesas, a principal causa desse enriquecimento.